Desde que surgiram os primeiros casos da Covid-19, governos de todo o mundo recorreram a medidas dr√°sticas para conter a transmiss√£o. Uma das primeiras medidas foi a suspens√£o das aulas presenciais nas escolas p√ļblicas e privadas.

Segundo a Organiza√ß√£o Mundial de Sa√ļde (OMS), aproximadamente 1,5 bilh√£o de estudantes em todo o mundo, ficaram sem aulas presenciais devido a esta suspens√£o.

Esta medida se fez necessária, pois a disseminação do vírus ocorre de forma rápida, porém, após o início da vacinação, as escolas estão reabrindo. Entenda quais medidas de segurança precisam ser tomadas para uma volta às aulas tranquila.

O que as escolas devem fazer para reabrir com segurança?

Neste retorno, as escolas devem se preparar para receber os alunos de forma a acolhê-los e reintegrá-los. Mas além disso, se fazem necessárias medidas de segurança para que o vírus não dissemine.

O primeiro passo para isso √© o uso obrigat√≥rio de m√°scara em todos os ambientes da escola, por alunos e funcion√°rios, realizando a troca a cada duas horas, principalmente se estiverem rasgadas, sujas ou √ļmidas. Ap√≥s a troca, √© necess√°ria a higieniza√ß√£o das m√£os com √°lcool em gel. Tamb√©m √© essencial um local pr√≥prio para descarte das m√°scaras usadas ou um recipiente para lev√°-las para higieniza√ß√£o em casa.

Lavar as mãos com água e sabão é uma medida que se tornou eficaz contra a disseminação do vírus e precisa se tornar um hábito também dentro da escola. Caso não haja a possibilidade de lavar a mão com frequência, os alunos e funcionários devem ter álcool em gel à disposição para fazer a higienização de suas mãos.

Outra medida importante é manter em isolamento domiciliar os estudantes e educadores com sintomas suspeitos da Covid-19 e caso compareçam à escola, os alunos devem ficar isolados dos demais até que o responsável compareça para retirá-lo.

Realizar o afastamento das mesas em pelo menos 1,5 metro, inclusive nos refeitórios e disponibilizar aulas ao ar livre, caso seja possível na escola, também podem ser formas eficazes de combater o vírus.

Mantendo a segurança na volta às aulas

Além das medidas de segurança individuais, a escola precisa manter um protocolo de higienização das salas de aula e ambientes comuns.

Definir hor√°rios diferentes para entrada e sa√≠da de alunos, pode evitar o contato desnecess√°rio entre eles. Al√©m disso, separar o hor√°rio de lanche de cada turma, pode evitar aglomera√ß√Ķes e viabilizar o espa√ßamento entre as crian√ßas.

A escola deve manter a limpeza sistemática de todas as salas de aula e demais ambientes, além de computadores, teclados, maçanetas, interruptores, torneiras e qualquer objeto compartilhado, além da higienização de brinquedos, piso de EVA e banheiras e trocadores, quando houver.

√Č importante tamb√©m manter os ambientes sempre arejados e evitar a entrada desnecess√°ria de pais, respons√°veis e demais pessoas na escola.

Os pais e alunos também podem (e devem) ajudar neste momento

Além de fornecer as máscaras e deixar sempre um recipiente com álcool em gel à mão, os pais e alunos podem auxiliar em outros quesitos no ambiente escolar.

Confira algumas dicas:

РEnsinar o aluno a manter o distanciamento dos colegas, se possível até mesmo na hora do intervalo, é essencial para se manter seguro, uma vez que a proximidade pode ajudar a disseminar o vírus;

РManter cabelos compridos, sempre que possível, presos em coque

– Trocar as roupas e sapatos assim que chegar em casa, colocando a roupa usada, imediatamente para lavagem.

РEvitar adornos como pulseiras, colares, brincos grandes e anéis, pois pode atrapalhar a higienização das mãos;

РOrientar os alunos a não compartilhar objetos como canetas, lápis, borracha, apontadores, réguas, entre outros, uma vez que o compartilhamento pode ser um disseminador do vírus;

РTambém é essencial a troca da máscara a cada duas horas e a lavagem das mãos sempre que possível ou quando não possível, higienizar as mãos com o uso do álcool em gel.

Retorno às aulas com segurança

O retorno às aulas deve acontecer com segurança, para isso, pais, alunos, professores e demais funcionários da escola precisam seguir os protocolos de segurança e manter a preocupação com a prevenção.

√Č importante entender, que mesmo ap√≥s a vacina√ß√£o e o retorno √†s aulas, o v√≠rus ainda circula e para manter todos em seguran√ßa √© necess√°rio que as normas de seguran√ßa sejam adotadas no √Ęmbito geral da escola bem como individualmente, sendo assim, cada um far√° a sua parte para combater a Covid-19.

 

 

Fonte: Ana Beatriz Wagner Pinheiro Lauand ‚Äď CRM/PR: 10.188, pediatra credenciada da Paran√° Cl√≠nicas.